Resolução da Anvisa aprova maconha para uso medicinal
3 de dezembro de 2019
MPE quer cassar o mandato da prefeita de Lagarto
3 de dezembro de 2019
Exibir tudo

Governo recua e professores acabam greve

Assembleia dos professores que decidiu pelo fim da greve ocorreu no Instituto Histórico e Geográfico de Sergipe

Os professores da rede estadual encerraram, nesta terça-feira (3), a greve deflagrada no último dia 26 visando protestar contra dois projetos do governo que, segundo eles, retiravam direitos da categoria. Coordenadas pelo presidente da Assembleia, deputado Luciano Bispo (MDB), as negociações entre grevistas e o Executivo resultaram na manutenção das conquistas ameaçadas pelas proposituras.

O governo concordou em manter o triênio, a incorporação das gratificações para efeito de aposentadoria e o direito de redução de um quarto da carga horária aos 20 anos de trabalho. O Sindicato promete continuar a luta para garantir a redução de um quinto da carga horária aos 15 anos de carreira para quem estiver na ativa. Diante destes entendimentos, os professores decidiram retornar à sala de aula e desocupar o prédio da Assembleia”, afirma a presidente do Sindicato da categoria, professora Ivonete Cruz.

No mesmo dia da deflagração da greve, terça-feira passada, a Justiça concedeu liminar ao governo considerando o movimento ilegal e estipulando uma multa de R$ 10 mil por cada dia de paralisação.  Mesmo assim, os professores permaneceram de braços cruzados, numa ameaça ao ano letivo. Por várias vezes, o governo o negou que pretendia retirar direitos dos grevistas, porém estes só descruzaram os braços após o recuo do Executivo.

Foto: Ascom/Sintese-SE

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *