De águas calmas, ilhas somem durante a maré alta
22 de agosto de 2015
Deficiências atingem 6,2% da população
22 de agosto de 2015
Exibir tudo

Polícia sergipana caça 20 fugitivos do Presídio de Glória

A Secretaria de Segurança Pública continua mobilizada para recapturar os 20 fugitivos do Presídio Regional Senador Leite Neto (Preslen), situado em Nossa Senhora da Glória, sertão de Sergipe. Os detentos escaparam da casa penal por volta das 21h30 de ontem, após simular uma confusão e ferir três agentes penitenciários.

Os agentes são Lenildson Gomes da Silva, que foi encaminhado inicialmente ao hospital de Glória e em seguida ao HUSE, em Aracaju, Antônio Brasiliano Costa, que foi ferido no braço e na cabeça e Antônio Nascimento Nogueira, que não resistiu aos ferimentos e veio a óbito.

Os Batalhões de policiamento do interior, assim como as Companhias especializadas da PM e unidades da Polícia Civil estão totalmente mobilizadas no sentindo de prenderem os fugitivos. Participam da operação, policiais do Pepac, COE,  Batalhão de Choque, além de todo o efetivo dos Batalhões do Interior sergipano.

O comandante Geral da PM, Coronel Maurício da Cunha Iunes e tenente-coronel Eliziel Rodrigues, comandante do Policiamento Militar do Interior estão desde a noite desta sexta no sertão de Sergipe. Até o momento, um foragido foi recapturado mais as incursões continuam.

A Secretaria de Estado da Justiça divulgou os nomes dos fugitivos do Preslen:

1) Josinaldo da Purificação Santos

2) Breno Messias Cruz Santos

3) José Acácio Andrade dos Santos

4) Clodoaldo Rodrigues Bezerra

5) Erick Ferreira

6) Rosivaldo dos Santos Oliveira

7) Thiago Santana Santos

8) Marcelo dos Santos

9) Jorge Valber Martiliano dos Santos

10) Carisvaldo Ribeiro Ramos

11) Emanoel Marcelo dos Santos

12) Jhonathan Rodrigo Santos Silva

13) Wesley Gomes da Silva

14) Uarlhes Leal Campos

15) Everton Justino da Silva

16) Erisvaldo Matias da Silva Júnior

17) Diarlisson Santana Santos

18) Ariel Moreira Bezerra

19) Alessandro de Souza Cavalcante

20) Anderson Henrique da Purificação Moura

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *