Projeto identifica 57 espécies de mosquito na caatinga
7 de dezembro de 2015
João Daniel prega política forte contra uso de agrotóxicos
7 de dezembro de 2015
Exibir tudo

Pirambu não tem registro de microcefalia

A coordenação de Vigilância Sanitária Epidemiológica e Endemias de Pirambu divulgou os índices de focos de larvas do mosquito da Dengue encontrados no município. Os resultados da Análise de Densidade Larvária, realizadas no último ciclo referente ao mês de novembro e dezembro, são estipulados como alerta, visando que o indicador de infestação de larvas do mosquito Aedes aegypti atingiu um índice de 2,7 nos imóveis vistoriados pelos agentes de endemias. Onde o índice estipulado como de tranquilidade para a população é de 1,0 ou menos. Acima de 1,5 já há risco de epidemia.

“A incidência de casos de Dengue, Zica Vírus e Chicungunya no município está controlada. Não existe nenhum caso de microcefalia notificado no município de Pirambu” afirma Claudeci Tavares, coordenadora de Vigilância Sanitária Epidemiológica e Endemias.

A coordenadora informou ainda que durante os dias 09,10 e 11 deste mês, a equipe de agentes de endemias estará intensificando os trabalhos na sede do município juntamente com a equipe da Brigada Estadual (Agentes Comunitários de Endemias) que dão suporte em vários municípios do estado e já foi disponibilizado um Carro Fumacê para aplicar o tratamento químico UVB que elimina o mosquito adulto na cidade, objetivando o controle da proliferação do Aedes Aegypte, (mosquito transmissor de tais doenças).

Secom/Pirambu

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *