BNB apoia projeto de assistência a crianças e adolescentes
18 de dezembro de 2015
Cai liminar obrigando governo pagar 13º até domingo
18 de dezembro de 2015
Exibir tudo

Capacitação envolve agentes de limpeza do Ipesaúde

A qualificação visa manter as condições de higiene adequadas no Ipesaúde

Uma ação específica para a abordagem de um dos fundamentos de qualquer unidade de saúde: a higiene. Esse foi o objetivo de uma capacitação promovida com todos os agentes de limpeza que atuam na sede do Ipesaúde e no Serviço de Pronto Atendimento (SPA). A capacitação reuniu os profissionais da limpeza no auditório do Ipesaúde, durante toda a tarde desta quarta-feira (16), na sede da autarquia.

Conforme a enfermeira Keyla Bessa Pinto, que é a responsável pelo Serviço de Controle de Infecção Hospitalar no SPA, e que ministrou a capacitação, essa é uma medida fundamental para a segurança de todos os pacientes, beneficiários e profissionais que atuam tanto no atendimento ambulatorial, oferecido na sede, quanto nos serviços mais especializados realizados no SPA.

“Essa qualificação é essencial para mantermos as condições de higiene sempre adequadas nas unidades do Ipesaúde, além de garantir a segurança e o bom atendimento para os pacientes e minimizar os riscos para os próprios profissionais. Esse é um compromisso da direção do Ipesaúde,  que estamos buscando tornar cada vez mas eficaz”, destacou a enfermeira.

Manipulação e Cuidados

Além de avaliar toda uma rotina de procedimentos que vai desde a chegada ao trabalho e utilização dos equipamentos de proteção individual (EPI´s), passando pela correta higienização nas mais diversas situações de atendimento a pacientes. A capacitação também versou sobre a utilização dos diversos produtos de limpeza de acordo com suas características.

“Nós buscamos, através da contextualização das ações do dia a dia, mostrar a importância de se adotar os procedimentos adequados a cada caso, buscando sempre evitar os erros mais comuns. Nós mostramos a diferenciação entre os estabelecimentos de saúde, as áreas de maior risco, os cuidados na convivência com pacientes, além de tópicos específicos detalhando os procedimentos de descontaminação, desinfecção e limpeza,com suas respectivas peculiaridades”, complementou a enfermeira Keyla.

Esta capacitação também se associa aos propósitos implementados pela direção do SPA em promover uma ampla modificação em toda a sistemática de atendimento, que incluirá, dentro de mais alguns meses, a adoção do sistema de classificação de risco, visando otimizar o fluxo de atendimento.

“Esta é uma ação que impacta diretamente na qualidade do atendimento prestado aos nossos usuários. E é a meta da nova gestão do Ipesaúde que, a partir da determinação do presidente Christian Oliveira, promover uma série de ações nos mais variados segmentos para que busquemos sempre aperfeiçoar a prestação dos serviços de saúde aos nossos beneficiários”, argumenta o diretor técnico do SPA, o médico Wagner Andrade.

Fonte e foto: Ascom Ipesaúde

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *